PROJETOS

GOLF-7

capa golf 7

O Golf-7 foi criado exclusivamente para a prática de pessoas com necessidades especiais. O projeto, que completa 12 anos em 2017, já entrou para a vida de milhares crianças e transformou-se em uma ferramenta de sociabilização.
A modalidade foi criada pela professora de educação física Fátima Alves da Cruz, que enxergou nas características do golfe um caminho para o desenvolvimento de seus alunos. Depois de se aprofundar nas regras do esporte, Fátima adaptou o golfe para que crianças e jovens com Transtornos Globais de Desenvolvimento (TGD) praticassem um esporte que exigia habilidades que elas pareciam não ter.

O Golf-7 pode ser disputado de duas maneiras – por buraco ou por tacada. No caso da disputa por buraco, todos os jogadores (de dois a quatro) saem ao mesmo tempo da base, ao apito do árbitro, e vence aquele que “guardar” a bolinha antes. O processo é repetido em cada um dos sete buracos do campo e no final, ganha quem tiver a melhor média. Já na disputa por tacadas, cada golfista joga de uma vez e, assim como no golfe tradicional, leva a melhor quem finaliza com o menor número de tacadas.

A prática desenvolve nos alunos noções de concentração, disciplina, foco, respeito e coordenação entre muitas outras. Hoje a modalidade é aplicada com frequência nas escolas especiais, que com o passar do tempo passam a participar até de grandes eventos esportivos. A disputa tanto dentro das escolas quanto nos torneios, é sempre comandada por um profissional de educação física.
Você pode ajudar o projeto a crescer, pois o Golf-7 é aplicado com os materiais doados por golfistas. Contribua fazendo uma doação.

Quem quiser fazer doações, basta entrar em contato pelo telefone (41) 3366-9159

Golfe para a Vida

golfeparaavida-300x200Implantado no Brasil pela Confederação Brasileira de Golfe (CBG) em 2012, o projeto “Golfe para a Vida” já colocou crianças de várias partes do país em contato com o esporte. Voltado para crianças e adolescentes, tem como objetivo a identificação e a formação de novos talentos além da introdução de noções de cidadania.
Com tacos e bolas adaptadas para quem ainda está se familiarizando à modalidade, os princípios do golfe são passados de forma lúdica. São bolas de tênis de diversas cores, e alvos de diferentes tamanhos que facilitam a iniciação dos pequenos atletas. Muitas pessoas que jamais teriam a oportunidade de jogar golfe já se aproximaram e passaram a conhecer o esporte através desse projeto.
O Programa Golfe para a Vida foi desenvolvido nas cidades brasileiras de Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Brasília entre outras, alcançando cerca de 300 professores e mais de 60 mil crianças. Além de contar com recursos da Lei de Incentivo ao Esporte, o programa tem o patrocínio do HSBC e apoio técnico-financeiro do R&A. .

Quem quiser fazer doações, basta entrar em contato pelo telefone (41) 3366-5149

Os comentários estão desativados.